logo

17/7/2014 13:42

Marin diz que pretende anunciar novo treinador da Seleção até terça-feira

Presidente e coordenador de Seleções, Gilmar Rinaldi, preferem não traçar perfil de novo comandante e destacam qualidades dos profissionais que trabalham no Brasil

Marin diz que pretende anunciar novo treinador da Seleção até terça-feira

José Maria Marin anunciou Gilmar Rinaldi como coordenador nesta quinta-feira (Foto: Bruno Domingos / Mowa Press)

Acompanhado do novo coordenador de Seleções da CBF, Gilmar Rinaldi, o presidente da entidade, José Maria Marin, afirmou que o novo treinador deve ser anunciado até a próxima terça-feira. Segundo o dirigente, a ideia é escolher com calma o profissional que vai conduzir o trabalho até a Copa do Mundo de 2018, que será disputada na Rússia.

- Depende de uma conversa que vamos ter nesse fim de semana. Nós esperamos até terça-feira anunciar quem será o técnico. Estamos vendo a peculiaridade e o que é importante. Além da capacidade técnica, ele precisa vir de encontro com o que foi exposto pelo Gallo (coordenador das categorias de base da CBF).

Marin afirmou ainda que Gilmar Rinaldi vai participar ativamente da escolha do novo treinador. De acordo com a diretoria da CBF, o projeto apresentado por Alexandre Gallo, de que a seleção olímpica precisará ficar integrada com a principal, precisará ser acatado pelo profissional escolhido para assumir o cargo na seleção brasileira.

- Vamos fazer todo o esforço. É uma coisa séria. Talvez a mais séria dos próximos anos. É um projeto a curto, médio e longo prazo. Visa não só os amistosos, mas a Copa América e os próximos compromissos. Em longo prazo, a próxima Copa do Mundo. Existe análise, troca de ideias entre nós três (Marin, Marco Polo del Nero e Gilmar Rinaldi). Se tudo correr como nós esperamos, na terça-feira, nós estaremos nesse mesmo local apresentando o novo treinador.

O presidente da CBF traçou o perfil do novo treinador e deixou claro que o escolhido não terá a mesma autonomia de Luiz Felipe Scolari.

- O novo treinador deverá estar dentro de tudo o que acabamos de falar. Ninguém aqui é o mais importante. Ele não será a peça mais importante. Será peça de um conjunto que definirá o destino do futebol brasileiro. O lema principal é o coletivo. Em todas as medidas, o objetivo é o mesmo entre todos nós. O objetivo é a melhoria do futebol brasileiro. Não haverá uma peça importante que se sobressairá sobre as demais. Cada um dos envolvidos vai expressar o que pensa, visando o coletivo. Dentro desses requisitos, uma necessidade, o futuro treinador virá dentro dessas circunstâncias. O treinador jamais será absoluto.

Marin afirmou ainda que a saída de Felipão foi uma opção do treinador.

- Foi o Felipão que manifestou a sua vontade de sair.


Gilmar Rinaldi, novo coordenador de seleções da CBF (Foto: André Durão)

Gilmar Rinaldi falou da escolha do novo comandante. E disse que será uma decisão coletiva.

- O treinador vai ser escolhido em conjunto com a presidência. Estamos em sintonia direta. O treinador vai ter algumas coisas normais e outras que vamos dar um direcionamento. Ele vai fazer uma das coisas que eu gosto: vai atualizar-se, estudar, vai viajar muito. Vamos ver treinos, interagir com outros treinadores. Eles querem saber o que fazemos e nós precisamos fazer o que temos visto. Não precisamos copiar ninguém, mas precisamos nos adaptar, respeitando o que dá para ser ou não implantado – explicou o coordenador.

O novo dirigente da CBF afirmou ainda que vai pedir ajuda aos antigos profissionais da entidade. Vai ter conversas com Luiz Felipe Scolari e Carlos Alberto Parreira, treinador e coordenador de Seleções, respectivamente, e com o diretor de comunicação, Rodrigo Paiva.

- Vamos conversar com as pessoas que saíram daqui. Tenho um relacionamento bom com todos esses que saíram. Parreira, Felipão, Runco... Eles podem não estar mais aqui, mas é a seleção do país deles e eles vão nos ajudar.

Treinador da seleção olímpica?

Questionado se Alexandre Gallo será o treinador do Brasil nas Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro, Marin deixou a questão no ar.

- O Gallo está fazendo um projeto com vários objetivos. O primeiro era cuidar da base. Virá o novo treinador, terá uma participação ativa em todas as seleções, mas o projeto do Gallo não será interrompido.

O futuro presidente da CBF, Marco Polo del Nero, que assumirá o cargo em 2015, fez apenas uma ressalva sobre a formação da equipe.

- Não será 100% da equipe principal que será olímpica. Tudo dependerá do novo treinador também – afirmou o dirigente.

1011 visitas - Fonte: Globo Esporte


VEJA: Cruzeiro tem conversas em andamento com clube argentino por Lucas Romero


Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Próximo Jogo - Campeonato Mineiro

Qua - 20:00 - Mineirão - Premiere
Cruzeiro
Boa Esporte

Último jogo - Brasileiro

Qui - 19:15 - Arena do Grêmio
Grêmio
2 0
Cruzeiro
Untitled Document
Classificação
1 Flamengo
2 Santos
3 Palmeiras
4 Grêmio
5 Atletico Paranaense
6 São Paulo
7 Internacional
8 Corinthians
9 Fortaleza EC
10 Goiás
11 Bahia
12 Vasco DA Gama
13 Atletico-MG
14 Fluminense
15 Botafogo
16 Ceará
17 Cruzeiro
18 CSA
19 Chapecoense-sc
20 Avai
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
90 38 28 6 4 86 37 49 VVVVD
74 38 22 8 8 60 33 27 VDVDV
74 38 21 11 6 61 32 29 DDDVV
65 38 19 8 11 64 39 25 VDVVD
64 38 18 10 10 51 32 19 VVEVE
63 38 17 12 9 39 30 9 EVDVV
57 38 16 9 13 44 39 5 EDVDV
56 38 14 14 10 42 34 8 DVDVD
53 38 15 8 15 50 49 1 EVVEV
52 38 15 7 16 46 64 -18 VVDDV
49 38 12 13 13 44 43 1 DEVED
49 38 12 13 13 39 45 -6 EDVEE
48 38 13 9 16 45 49 -4 DEVVD
46 38 12 10 16 38 46 -8 VVEEV
43 38 13 4 21 31 45 -14 VVDDE
39 38 10 9 19 36 41 -5 EDEDE
36 38 7 15 16 27 46 -19 DDDDD
32 38 8 8 22 24 58 -34 DVDDD
32 38 7 11 20 31 52 -21 VDDVE
20 38 3 11 24 18 62 -44 DDEDE
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota