logo

12/8/2019 10:32

Com VAR decisivo no final, Cruzeiro arranca empate do Avaí na Ressacada

Com VAR decisivo no final, Cruzeiro arranca empate do Avaí na Ressacada

Sassá marcou o gol nos acréscimos do segundo tempo para garantir o empate (Foto: Douglas Magno/AFP)

O Avaí vencia o Cruzeiro, na tarde deste domingo, na Ressacada, até os acréscimos do jogo. Porém, no finalzinho, a Raposa conseguiu um tento salvador que garantiu o empate por 2 a 2 das equipes, em confronto válido pelo Campeonato Brasileiro.



O placar é ruim para os dois: ambos seguem com grande jejum de vitórias – o Avaí não venceu ninguém no Brasileirão. Já a Raposa tem uma vitória nos últimos 19 jogos. Com isso, o time azul segue na 17ª colocação, com 11 pontos. Já o time de Florianópolis está na última colocação com seis tentos.

Não foi um duelo fácil para o Cruzeiro. Primeiro pelas dificuldades fora dos gramados, com treinador interino – Rogério Ceni foi anunciado neste domingo como novo treinador da Raposa. No gramado, o time celeste não se encontrou e aproveitou as deficiências do último colocado do Brasileirão para conseguir o empate.

Primeiro tempo

No primeiro jogo do Cruzeiro sem o técnico Mano Menezes, a equipe tinha no comando técnico o jovem treinador do Sub-20, Ricardo Resende. Ele não fez grandes alterações em relação ao que foi deixado pelo antigo treinador. O atacante Fred e o meia Thiago Neves não entraram devido ao terceiro cartão amarelo, substituídos por Marquinhos Gabriel e Sassá. Vale ressaltar que o camisa 9 já não vinha sendo utilizado como titular pelo ex-técnico.

Os minutos iniciais do jogo mostraram muita dificuldade do Cruzeiro em campo. O Avaí passou, pelo menos, 10 minutos se defendendo com qualidade e saindo para o jogo, com toques rápidos e em velocidade. Por sua vez, a equipe mineira tentava necessariamente pelos lados, mas Marquinhos Gabriel e Pedro Rocha não faziam boa aparição até o momento.

Após os 10 minutos de jogo o Avaí começou a ganhar gramado. O time trocou passes com mais qualidade e aumentou sua quantidade de posse de bola. O Cruzeiro recuou um pouco e facilitou para deixar de atacar e dar força para o clube de Florianópolis ter tranquilidade de avançar suas linhas. Apesar deste cenário, a partida ficou sem grandes chances.

Aos 22 a pressão do Avaí teve efeito. Em cobrança de falta quase do meio campo, a bola chegou em Pedro Castro que escorou a bola para dentro do gol.

Após o gol o Avaí se segurou em campo. O time da casa se comportou melhor defensivamente e esperou o Cruzeiro. Contava desfavoravelmente a Raposa o fato de os laterais terem grande dificuldade de alcançarem o ataque. Os atletas da frente tinham dificuldades e a etapa inicial terminou com a vitória parcial.

Segundo tempo

Na volta para a etapa complementar, o Avaí não demorou para agredir. Logo nos primeiros minutos, em chute de fora da área, a trave salvou o goleiro Fábio de levar o segundo tento.

O técnico da Raposa, Ricardo Resende, mudou o esquema de jogo. Colocou David no lugar de Ariel Cabral. Com isso, Robinho seria ainda mais recuado para contribuir no momento defensivo.

A criação do Cruzeiro ainda era bastante prejudicada. O time tinha dificuldade para chegar a frente e ter chances claras.

Aos 16, o Cruzeiro conseguiu empatar. Em chute de Marquinhos Gabriel, o goleiro conseguiu fazer grande defesa, mas Pedro Rocha estava bem posicionado para fazer o gol. O tento acabou com o jejum de oito jogos sem um tento.

O duelo ficou travado no meio campo após o tento. Isso durou até os 27 minutos. Isso porque Caio Paulista se mandou pra cima da defesa da Raposa e Egídio parou a jogada com falta. O pé do ala cruzeirense estava na linha da grande área e, por isso, foi marcado o pênalti – contando inclusive com ajuda do VAR. Na cobrança, Brenner colocou no cantinho.

VAR entra em campo para o Cruzeiro

Já nos acréscimos, o atacante Sassá recebeu a bola na frente e marcou um gol. Seria o empate, mas o bandeira anulou o lance. O árbitro de vídeo foi chamado e, após cinco minutos de analise, marcou o tento que deu empate a Raposa.



FICHA TÉCNICA

AVAÍ 2 X 2 CRUZEIRO

Local:
Ressacada, Florianópolis (SC)
Data: 11 de agosto (Domingo)
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Paulo Roberto Alves Júnior (PR)
Assistentes: Bruno Boschilia (PR) e Ivan Carlos Bohn (PR)

Gols: Pedro Castro, aos 22 do primeiro tempo, Brenner, aos 28 do segundo tempo (Avaí); Pedro Rocha, aos 16 do segundo tempo, Sassá, aos 50 do segundo tempo (Cruzeiro)
Cartões: Vladimir (Avaí); Edilson, Robinho (Cruzeiro)
Cartão vermelho: Edilson (Cruzeiro)

AVAÍ: Vladimir, Léo (Iury), Betão, Marquinhos Silva, Paulinho, Pedro Castro, Richard Franco, João Paulo, Lourenço (Caio Paulista), Brenner, Bruno Sávio (Douglas)
Técnico: Alberto Valentim

CRUZEIRO: Fábio, Orejuella (Edilson), Léo, Dedé, Egídio (Dodô), Henrique, Ariel Cabral (David), Robinho, Marquinhos Gabriel, Pedro Rocha e Sassá.
Técnico: Mano Menezes.

Cruzeiro, Var, Decisivo, Empate, Avaí, Ressacada

195 visitas - Fonte: Gazeta Esportiva


VEJA: Cruzeiro tem conversas em andamento com clube argentino por Lucas Romero


Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Próximo Jogo - Campeonato Mineiro

Qua - 20:00 - Mineirão - Premiere
Cruzeiro
Boa Esporte

Último jogo - Brasileiro

Qui - 19:15 - Arena do Grêmio
Grêmio
2 0
Cruzeiro
Untitled Document
Classificação
1 Flamengo
2 Santos
3 Palmeiras
4 Grêmio
5 Atletico Paranaense
6 São Paulo
7 Internacional
8 Corinthians
9 Fortaleza EC
10 Goiás
11 Bahia
12 Vasco DA Gama
13 Atletico-MG
14 Fluminense
15 Botafogo
16 Ceará
17 Cruzeiro
18 CSA
19 Chapecoense-sc
20 Avai
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
90 38 28 6 4 86 37 49 VVVVD
74 38 22 8 8 60 33 27 VDVDV
74 38 21 11 6 61 32 29 DDDVV
65 38 19 8 11 64 39 25 VDVVD
64 38 18 10 10 51 32 19 VVEVE
63 38 17 12 9 39 30 9 EVDVV
57 38 16 9 13 44 39 5 EDVDV
56 38 14 14 10 42 34 8 DVDVD
53 38 15 8 15 50 49 1 EVVEV
52 38 15 7 16 46 64 -18 VVDDV
49 38 12 13 13 44 43 1 DEVED
49 38 12 13 13 39 45 -6 EDVEE
48 38 13 9 16 45 49 -4 DEVVD
46 38 12 10 16 38 46 -8 VVEEV
43 38 13 4 21 31 45 -14 VVDDE
39 38 10 9 19 36 41 -5 EDEDE
36 38 7 15 16 27 46 -19 DDDDD
32 38 8 8 22 24 58 -34 DVDDD
32 38 7 11 20 31 52 -21 VDDVE
20 38 3 11 24 18 62 -44 DDEDE
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota