logo

30/9/2018 07:48

Auxiliar de Tite revela impressão deixada por Dedé na Seleção e enaltece o zagueiro no Cruzeiro

Auxiliar de Tite revela impressão deixada por Dedé na Seleção e enaltece o zagueiro no Cruzeiro

Foto: Reprodução/Instagram

A fase é recheada de coisas positivas para o zagueiro Dedé. No mesmo dia, ele recebeu a informação de que foi liberado pela Conmebol para atuar no jogo da volta contra o Boca Juniors, pela Libertadores, e ainda ganhou elogios do auxiliar do técnico da seleção brasileira, Cléber Xavier, que esteve no Mineirão na última quarta-feira para acompanhar o jogo contra o Palmeiras e observar, de perto, o zagueiro do Cruzeiro.

"O Dedé é um cara que teve uma recuperação fantástica. É maravilhoso ele estar de volta. A estrutura defensiva do Cruzeiro cresce com ele" (Cléber Xavier)



- Nos Estados Unidos, ele foi muito bem, dentro e fora do campo, nas interações e treinamentos. Embora ele tenha disputado um jogo que exigiu menos da estrutura defensiva, ele foi muito bem.

Atuações seguras

Dedé participou do amistoso contra El Salvador, em que o Brasil ganhou por 5 a 0. Ele, inclusive, viveu uma semana tensa à época do amistoso, disputado no dia 11 de setembro, pois, na data seguinte, esteve em campo pela Copa do Brasil, na Arena Palmeiras, contra os donos da casa. Com atuação segura, o zagueiro ajudou o Cruzeiro a sair com a vitória por 1 a 0.

A notícia de que o cartão vermelho recebido na Libertadores foi anulado, após choque acidental com o goleiro Andrada, preencheu o momento do zagueiro com mais uma oportunidade de ajudar a Raposa. Ele estará em campo na próxima quinta-feira, às 21h45 (de Brasília), quando a Raposa recebe os argentinos em Belo Horizonte. O Cruzeiro precisa reverter a vantagem de dois gols do Boca. Neste domingo, inclusive, o zagueiro e, demais titulares, serão poupados do duelo contra o Palmeiras, pelo Campeonato Brasileiro, justamente por causa do confronto com o Boca.



O auxiliar do técnico Tite endossou o discurso de que o Cruzeiro foi prejudicado no jogo de ida na Argentina.

- O Tite se posicionou que a expulsão foi injusta. O estilo de força do Dedé, num lance em que ele visou a bola, fez com que o Cruzeiro fosse prejudicado naquele momento - completou Cléber Xavier.

10287 visitas - Fonte: Globoesporte.com


Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Próximo Jogo - Mineiro

S&# - 17:00 - WALDEMAR TEIXEIRA DE FARIA - adefinir
Guarani-MG
Cruzeiro

Último jogo - Brasileiro

Dom - 17:00 - Estádio de Pituaçu
Bahia
0 0
Cruzeiro