logo

4/8/2014 13:45

Raposa continua voraz

Mesmo sem vencer no Rio, Cruzeiro atinge marca de 10 jogos seguidos marcando gol

Raposa continua voraz

Cruzeiro atingiu marca com gol do zagueiro Leo, no empate contra Botafogo, no Maracanã, por 1 a 1

Apesar de não ter conseguido a vitória sobre o Botafogo, sábado à noite, no Maracanã, o Cruzeiro mostrou mais uma vez todo seu apetite ofensivo. O time do técnico Marcelo Oliveira continua tendo o melhor ataque do Brasileiro, com 29 gols em 13 jogos, média de 2,23 por partida. Ao ficar no 1 a 1 com a equipe da estrela solitária, a Raposa balançou as redes pelo 10º compromisso seguido, incluindo cinco amistosos da intertemporada nos EUA. A última vez em que deixou o campo sem vencer foi na derrota por 1 a 0 para o Corinthians, em 28 de maio.

No ano, já são 89 tentos em 43 jogos, média de 2,06 por partida. Em 2013, foram 142 gols nas 63 vezes em que entrou em campo, média de 2,25, o que mostra que a equipe ainda pode melhorar.

A boa criação ofensiva deixa Marcelo Oliveira satisfeito, ainda que ele lamente os dois pontos deixados no Maracanã. “Nosso time foi melhor, foram 18 finalizações contra oito do Botafogo, tivemos mais posse de bola. Marcamos mal na jogada do gol deles. A gente lamenta porque poderíamos ter vencido o jogo”, afirmou o treinador, bastante satisifeito com o empenho de seus atletas. “Temos a consciência de que buscamos fazer o melhor o tempo todo.”

Mostrando que o Cruzeiro é um time equilibrado, dos 89 gols marcados, 24, ou 26,9%, tiveram como autores jogadores que atuam na defesa ou que têm na marcação sua prioridade. Só o zagueiro Bruno Rodrigo, se recuperando de lesão, fez seis, com Dedé e Leo tendo feito três cada um. Houve ainda gols de laterais e volantes.

Autor do gol de empate no sábado, Leo comemorou, mas acha que o time celeste merecia mais. Porém, não deixa de valorizar o ponto. “Criamos bastante, tivemos posse de bola. Mas foi importante pontuar”, disse.

Leo deverá continuar sendo titular ao lado de Dedé, uma vez que Bruno Rodrigo ainda se recupera de contusão. Ainda que seja liberado esta semana do departamento médico, o camisa 4 precisará recuperar a melhor forma física.

Quem voltará a ser titular diante do Criciúma, sábado, no interior catarinense, é o volante Nílton. Ele fica com a vaga de Henrique, que não só recebeu o terceiro cartão amarelo como deixou o gramado reclamando contusão, depois de entrada dura de Emerson, no segundo tempo da partida.

DE VOLTA De qualquer forma, Marcelo Oliveira já tem mais opções. Willian, cujo novo contrato foi registrado na sexta-feira, estará mais uma vez à disposição, agora tendo a semana toda para ser testado entre os titulares.

Além de Bruno Rodrigo, o lateral-direito Ceará, o armador Júlio Baptista e o atacante Borges continuam no departamento médico, sem previsão de volta .

780 visitas - Fonte: Superesportes


Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Últimas notícias

Próximo Jogo - Campeonato Mineiro

Quinta - 20:30 - Mineirão - PFC
Cruzeiro
Caldense

Último jogo - Brasileiro

Qui - 19:15 - Arena do Grêmio
Grêmio
2 0
Cruzeiro
Untitled Document
Classificação
1 Flamengo
2 Santos
3 Palmeiras
4 Grêmio
5 Atletico Paranaense
6 São Paulo
7 Corinthians
8 Internacional
9 Fortaleza EC
10 Goiás
11 Bahia
12 Atletico-MG
13 Vasco DA Gama
14 Fluminense
15 Botafogo
16 Ceará
17 Cruzeiro
18 CSA
19 Chapecoense-sc
20 Avai
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
90 37 28 6 3 86 33 53 EVVVV
71 37 21 8 8 56 33 23 EVDVD
71 37 20 11 6 59 32 27 EDDDV
65 37 19 8 10 62 36 26 DVDVV
63 37 18 9 10 51 32 19 VVVEV
60 37 16 12 9 37 29 8 EEVDV
56 37 14 14 9 41 32 9 EDVDV
54 37 15 9 13 42 38 4 EEDVD
50 37 14 8 15 48 48 0 VEVVE
49 37 14 7 16 43 62 -19 EVVDD
49 37 12 13 12 43 41 2 EDEVE
48 37 13 9 15 44 47 -3 EDEVV
48 37 12 12 13 38 44 -6 EEDVE
43 37 11 10 16 36 45 -9 EVVEE
42 37 13 3 21 30 44 -14 DVVDD
38 37 10 8 19 35 40 -5 DEDED
36 37 7 15 15 27 44 -17 EDDDD
32 37 8 8 21 23 56 -33 DDVDD
31 37 7 10 20 30 51 -21 VVDDV
19 37 3 10 24 18 62 -44 EDDED
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota