logo

5/1/2020 12:20

OFF: Veja brasileiros de "ligas ficam livres no mercado este ano

OFF: Veja brasileiros de ligas  ficam livres no mercado este ano

Os clubes brasileiros que procuram reforços no mercado da bola 2020 podem ir atrás de nomes já pensando no segundo semestre. Jogadores que têm contratos até 30 de junho deste ano estão liberados para assinar um pré-acordo desde o primeiro dia do ano.



O UOL Esporte fez uma lista de jogadores que estão em mercados menos badalados do futebol mundial e podem voltar ao Brasil a partir do próximo ano.

Rafael Carioca - Tigres
Revelado pelo Grêmio e com passagens por Vasco e Atlético-MG, o volante está atualmente no Tigres, do México. Ele tem contrato até o fim de junho e não tem previsão para renovação. O meio-campista pode voltar ao Brasil no segundo semestre de 2020. Não há propostas de clubes brasileiros neste momento, mas ele não descarta um retorno ao país natal.

Carlos Eduardo - Al Hilal
Aos 30 anos, meio-campista é desconhecido no Brasil. Revelado pelo Desportivo Brasil e com passagem pelo Fluminense, o jogador ganhou notoriedade no país durante o Mundial de Clubes. Ele defendeu o Al Hilal diante do Flamengo na semifinal do torneio internacional.

Petros - Al Nassr
Meio-campista de 30 anos ganhou notoriedade no Brasil ao jogar pelo Corinthians, entre 2014 e 2015. Ele foi vendido para o Bétis e retornou ao São Paulo. Hoje, ele defende o Al Nassr, da Arábia Saudita, e não tem futuro definido.

Cicinho - Ludogorets
Cicinho ganhou notoriedade no Brasil ao defender a Ponte Preta, entre 2012 e 2013. Na sequência, se transferiu para o Santos. No clube, fez sucesso e foi vendido ao Ludogorets, da Bulgária, por 900 mil euros. O lateral direito se destaca no time búlgaro e não descarta uma volta ao Brasil no decorrer da temporada.

Bruno Uvini - Al Wakrah
Bruno Uvini apareceu para o futebol no início da década, defendendo as cores do São Paulo. Na sequência, foi vendido ao Napoli. Passou por Siena, Santos e Twente. Em 2019, passou a defender o Al Wakrah, do Qatar. No país, pouco atuou - foram 12 jogos. O zagueiro pode deixar o clube em breve.

Mariano - Galatasaray
Comprado por 4,5 milhões de euros em 2017, Mariano pode deixar o time turco na atual temporada. O lateral direito tem vínculo até 30 de junho e a renovação é uma incógnita. É possível que ele se mude para o futebol brasileiro novamente no decorrer do ano.



Souza - Cerezo Osaka
Campeonato brasileiro pelo Cruzeiro em 2013, o volante Souza defende o Cerezo Osaka, do Japão, desde 2016. Com contrato até 30 de junho, o meio-campista não descarta uma volta ao Brasil. A sua carreira é gerida pelo Grupo DIS.

Cruzeiro, Brasileiros, Ligas, Alternativas, Livres, Mercado

420 visitas - Fonte: UOL


VEJA: Cruzeiro tem conversas em andamento com clube argentino por Lucas Romero


Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Próximo Jogo - Campeonato Mineiro

Qua - 20:00 - Mineirão - Premiere
Cruzeiro
Boa Esporte

Último jogo - Brasileiro

Qui - 19:15 - Arena do Grêmio
Grêmio
2 0
Cruzeiro
Untitled Document
Classificação
1 Flamengo
2 Santos
3 Palmeiras
4 Grêmio
5 Atletico Paranaense
6 São Paulo
7 Internacional
8 Corinthians
9 Fortaleza EC
10 Goiás
11 Bahia
12 Vasco DA Gama
13 Atletico-MG
14 Fluminense
15 Botafogo
16 Ceará
17 Cruzeiro
18 CSA
19 Chapecoense-sc
20 Avai
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
90 38 28 6 4 86 37 49 VVVVD
74 38 22 8 8 60 33 27 VDVDV
74 38 21 11 6 61 32 29 DDDVV
65 38 19 8 11 64 39 25 VDVVD
64 38 18 10 10 51 32 19 VVEVE
63 38 17 12 9 39 30 9 EVDVV
57 38 16 9 13 44 39 5 EDVDV
56 38 14 14 10 42 34 8 DVDVD
53 38 15 8 15 50 49 1 EVVEV
52 38 15 7 16 46 64 -18 VVDDV
49 38 12 13 13 44 43 1 DEVED
49 38 12 13 13 39 45 -6 EDVEE
48 38 13 9 16 45 49 -4 DEVVD
46 38 12 10 16 38 46 -8 VVEEV
43 38 13 4 21 31 45 -14 VVDDE
39 38 10 9 19 36 41 -5 EDEDE
36 38 7 15 16 27 46 -19 DDDDD
32 38 8 8 22 24 58 -34 DVDDD
32 38 7 11 20 31 52 -21 VDDVE
20 38 3 11 24 18 62 -44 DDEDE
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota