logo

23/4/2019 19:01

Pela Liberta, Cruzeiro bate D. Lara, segue imbatível e sem sofrer gols

Pela Liberta, Cruzeiro bate D. Lara, segue imbatível e sem sofrer gols

A campanha do Cruzeiro na Copa Libertadores é invejável: ao vencer o Deportivo Lara, na tarde desta terça-feira, na Venezuela, por 2 a 0, o time celeste segue com seus 100% na competição, líder isolado com 15 pontos do Grupo B e, de quebra, sua defesa não foi batida após o quinto jogo da primeira fase.



O grupo B tem uma disparidade enorme. Enquanto o Cruzeiro tem 15 pontos, o Deportivo Lara, atual segundo colocado, tem cinco. O Emelec é o terceiro, com três tentos, e o Huracán, tem um.

O Cruzeiro não teve qualquer dificuldade para vencer o Deportivo Lara na tarde desta terça-feira. A equipe fez um gol com Fred, no primeiro tempo, e um com Sassá, de pênalti, na etapa complementar, sem sofrimentos e o goleiro Fábio ficou apenas vendo o jogo em sua meta.

Com 100% na Libertadores, o Cruzeiro se prepara para mais uma estreia de Campeonato Brasileiro. Neste fim de semana, a equipe enfrenta o Flamengo, no reencontro da Raposa com seu ex-jogador Arrascaeta.

Primeiro tempo

O Cruzeiro entrou em campo com completa tranquilidade de já estar classificado e ter o foco em seguir com a campanha 100% e ser primeiro colocado geral para ter as vantagens na próxima fase. Diante disso, o técnico Mano Menezes colocou em campo um elenco variado. Em relação ao clássico contra o Atlético, no fim de semana, a Raposa teve cinco mudanças. O principal destaque foi retorno de Thiago Neves ao time titular, após longo período de contusão. Todavia, a equipe não tinha Rodriguinho, e não foi nesta terça-feira que foi possível ver a formação com a dupla no meio campo celeste.

O adversário celeste precisava vencer para ficar mais próximo da fase seguinte. Apesar de ser o atual segundo colocado do grupo, o Deportivo Lara pode ser alcançado e, assim, queria o triunfo para ficar tranquilo.

Os primeiros minutos do confronto mostraram que o Cruzeiro não teria vida fácil. Não pela qualidade técnica do adversário, mas sim pela forte defesa armada. O Lara não saía para o jogo, esperava o time mineiro em seu campo defensivo e se preocupou muito mais em se defender do que se arriscar.

No primeiro tempo inteiro, o Deportivo Lara chegou duas vezes, em dois chutes de longa distância, ambos fora do gol.

O Cruzeiro, porém, dominou mais a partida e criava mais chances em campo. Com Thiago Neves no meio campo, o time celeste tinha uma dinâmica diferente à apresentada com Rodriguinho.

O gol azul demorou a sair. Em uma ótima jogada de Fred, aos 30 minutos, o atacante recebeu a bola e aproveitou a moleza do zagueiro para chutar e colocar a bola no ângulo e marcar um belo tento.

Após o tento, o Cruzeiro relaxou na partida, tirou o pé e passou a esperar o Deportivo Lara. A equipe venezuelana, entretanto, não tinha forças para atacar e a Raposa não sofria.

Segundo tempo

O jogo voltou para a etapa complementar da mesma maneira: o Lara sem forças para atacar e o Cruzeiro displicente. Se caprichasse, nos primeiros minutos a Raposa poderia ter ampliado a contagem, no entanto, jogava de uma maneira sonolenta.

O time celeste demorou 20 minutos para conseguir criar uma boa chance de gol. Com boa troca de passes entre Fred e Marquinhos Gabriel, o canhoto pegou a bola e soltou o pé para a defesa do goleiro Salazar.

O Cruzeiro, porém, tinha dificuldades na transição defesa e ataque. A Raposa apresentava uma lentidão, algo que aconteceu provavelmente pelo relaxamento da equipe em campo, já que tinha o resultado nas mãos e não era ameaçada.

Aos 31, em uma rápida descida ao ataque, Marquinhos Gabriel deixou a bola para Jadson dentro da área e foi parado com pênalti. Na cobrança, Sassá, aos 33, colocou para o fundo das redes.

FICHA TÉCNICA:
CRUZEIRO 2 x 0 DEPORTIVO LARA

Local: Estádio Metropolitano de Lara, Venezuela
Data: 23 de abril de 2019 (terça-feira)
Horário: 17h (horário de Brasília)
Árbitro: Gery Vargas (BOL)
Assistentes: Não divulgados
Gol: Fred, aos 30 minutos do primeiro tempo, Sassá, aos 33 do segundo tempo (Cruzeiro)

CRUZEIRO – Fábio; Orejuela, Léo, Dedé e Egídio; Henrique, Lucas Silva, Rafinha, Thiago Neves (Jadson), Marquinhos Gabriel; Fred (Sassá).
Técnico: Mano Menezses

DEPORTIVO LARA – Salazar, Jefre Vargas, Di Giorgi, Miers, Aponte, Manzano, Yriarte (Otero), Centeno, Di Renzo, Frutos (Freddy Vargas), Moreno
Técnico: Leonardo Gonzalez.




Cruzeiro, Libertadores, Vitória

411 visitas - Fonte: Gazeta esportiva


VEJA: Diretoria se divide em situação de Mano; Treinador não entregará o cargo


Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Próximo Jogo - Brasileiro

Qua - 21:00 - Castelão - FOX
fortaleza
Cruzeiro

Último jogo - Copa do Brasil

Qua - 19:15 - Mineirão
Cruzeiro
Fluminense