logo

30/12/2018 09:59

Puskás, gols decisivos e Copa do Mundo: Arrascaeta tem ano de afirmação no Cruzeiro

Meia uruguaio, que balançou as redes nas duas finais disputadas pelo time cruzeirense, termina 2018 como titular absoluto, artilheiro e com maior projeção internacional

Puskás, gols decisivos e Copa do Mundo: Arrascaeta tem ano de afirmação no Cruzeiro

Depois de viver altos e baixos nos primeiros três anos de Cruzeiro, Arrascaeta se firmou de vez na equipe treinada por Mano Menezes. Em 2018, assumiu protagonismo com a camisa estrelada, foi decisivo nas conquistas dos títulos do Mineiro e da Copa do Brasil, disputou o Prêmio Puskás, defendeu a seleção uruguaia na Copa do Mundo da Rússia e terminou a temporada como artilheiro do time cruzeirense.



A temporada de 2017 havia sido especial para Arrascaeta, já que levantou o primeiro troféu pelo Cruzeiro: a Copa do Brasil. Apesar de ter feito o gol de empate na ida da final contra o Flamengo, ele não foi titular em nenhum dos jogos da decisão – os mais importantes do ano para a equipe.



O ano de 2018 começou diferente. Desde o primeiro jogo do Campeonato Mineiro, Arrascaeta foi titular do setor ofensivo celeste. E já no Estadual ele mostrou o "cartão de visitas" para a temporada. Na primeira fase, foi autor do gol da vitória por 1 a 0 sobre o América-MG. E que gol! O voleio de perna direita que terminou nas redes de João Ricardo concorreu ao prêmio Puskás, que premia o gol mais bonito do ano (assista no vídeo abaixo). O prêmio foi vencido por Salah, atacante egípcio do Liverpool-ING. Ainda no Mineiro, o uruguaio marcou um gol em cada jogo da final contra o Atlético-MG, contribuindo para o Cruzeiro voltar a conquistar a competição após quatro anos.

As boas atuações no primeiro semestre renderam ao jogador a convocação para a Copa do Mundo da Rússia. Ele começou o torneio como titular do técnico Óscar Tabárez, mas perdeu a posição e entrou em campo em apenas mais uma partida. Apesar disso, o camisa 10 cruzeirense segue sendo convocado desde o fim do Mundial.

Da quase ausência ao gol do título
E foi exatamente uma convocação para a Seleção que quase tirou Arrascaeta dos dois jogos mais importantes do Cruzeiro em 2018: as finais da Copa do Brasil, contra o Corinthians. O meia foi chamado por Tabárez para a disputa de amistosos contra Coreia e Japão, na Ásia, e por isso foi desfalque na ida, que terminou com vitória celeste por 1 a 0, no Mineirão.

Um dia antes da partida de volta da Copa do Brasil, ele atuou pelo Uruguai na cidade japonesa de Saitama, viajou 24 horas até São Paulo, entrou no segundo tempo da decisão e marcou o gol que garantiu a vitória e o bicampeonato à Raposa (assista no vídeo abaixo). O uruguaio credita o crescimento profissional ao amadurecimento pessoal e à adaptação a Belo Horizonte.

- Tive um ano de muito aprendizado, um ano muito positivo para mim também. Consegui ganhar coisas no clube, jogar o Mundial também foi bom pessoalmente. Acredito que tenha sido um dos melhores anos aqui no Cruzeiro. Acho que todo ano o jogador vai amadurecendo dentro e fora de campo, vai ganhando experiência. Vai acrescentando seu potencial. Hoje em dia, tenho quatro anos aqui em BH. Estou muito adaptado ao clube, adaptado muito aqui na cidade, acho que tenho muita diferença física e técnica também.

No total, Arrascaeta disputou 48 partidas em 2018, sendo 36 como titular. O uruguaio foi, ao lado de Thiago Neves, o artilheiro da equipe na temporada, com 15 gols. Os números só não foram melhores pelo fato de Mano Menezes ter optado por poupar o time em jogos do Mineiro e do Brasileiro em meio à disputa da Libertadores e da Copa do Brasil. Já na reta final da temporada, o meia também enfrentou duas lesões musculares.

Estrangeiro recordista
Os bons números de Arrascaeta em 2018 fizeram com que o meia alcançasse duas marcas importantes com a camisa do Cruzeiro. Com 188 jogos e 50 gols, é o estrangeiro que mais vezes vestiu e marcou gols com a camisa estrelada.



Cruzeiro, Arrascaeta

2121 visitas - Fonte: Globo Esporte


VEJA: Cruzeiro tem conversas em andamento com clube argentino por Lucas Romero


Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Próximo Jogo - Brasileiro

Qua - 21:00 - MineirãoBrasileiro - Premiere
Cruzeiro
São Paulo

Último jogo - Brasileiro

Dom - 19:00 - Arena Condá
Chapecoense
1 1
Cruzeiro
Untitled Document
Classificação
1 Flamengo
2 Palmeiras
3 Santos
4 Corinthians
5 São Paulo
6 Grêmio
7 Internacional
8 Bahia
9 Goiás
10 Atletico Paranaense
11 Atletico-MG
12 Vasco DA Gama
13 Botafogo
14 Fluminense
15 Fortaleza EC
16 Ceará
17 CSA
18 Cruzeiro
19 Avai
20 Chapecoense-sc
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
58 25 18 4 3 53 21 32 VEVVV
50 25 14 8 3 40 20 20 VEEDV
48 25 14 6 5 36 23 13 EVVVE
43 25 11 10 4 27 16 11 VVEED
43 25 11 10 4 26 16 10 DEVEV
41 25 11 8 6 43 27 16 VDEVV
39 25 11 6 8 29 23 6 DEEDE
38 25 10 8 7 28 22 6 VVDED
36 25 11 3 11 25 35 -10 VVVDV
35 25 10 5 10 35 27 8 VEVED
31 25 9 4 12 30 35 -5 VDEDD
31 25 8 7 10 22 30 -8 DVDEV
30 25 9 3 13 22 27 -5 DDDVD
29 25 8 5 12 27 34 -7 EVVEV
28 25 8 4 13 27 34 -7 DVDVD
26 25 7 5 13 24 26 -2 EDDDV
25 25 6 7 12 15 35 -20 DDVVD
22 25 4 10 11 19 33 -14 EDEEE
17 25 3 8 14 13 37 -24 DDDED
16 25 3 7 15 19 39 -20 EDDDE
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota